“Não se julgue, dentro da vida, como alguém que nunca prestará contas dos atos mais íntimos.
Tudo o que praticamos, Dirceu, permanece gravado no livro da consciência. O bem é a sementeira da luz, portadora de colheitas sublimes de alegria e paz, enquanto que o mal nos enegrece o espírito, como tinta escura que mancha os alvos cadernos escolares."

Mensagem do pequeno morto — Carlos por Neio Lúcio

quarta-feira, 26 de julho de 2017

O Poder do 'Muito Obrigado'


Que seu dia tenha sido iluminado! As vezes as experiências difíceis acontecem, então talvez alguns de vocês que nos leem, falem: "Ah, bem que eu queria que tivesse sido bom, Ricardo, mas aconteceu tanta coisa neste final de semana..." Opa! Calma lá! Lembre-se, você não é os acontecimentos que ocorrem a você. Nós não devemos nos misturar àquilo que nos incomoda. Você é luz e essa conexão com nossa luz divina vai fazendo com que, aos poucos, nós tomemos consciência de quem nós realmente somos. Então, independente de qualquer eventual desafio lembre-se: vai passar! Porque tudo passa, tem passado e vai continuar passando, tá bom? Nada dessa história de depressão, tristeza, angústia, que isso não resolve problema de ninguém. Muito pelo contrário!

Deixa eu contar uma historia pra vocês. Uma historia muito bonita. A historia conta que havia uma mulher que estava passando por graves problemas, muitas dificuldades: dificuldades no casamento, problema com os filhos, dificuldades de saúde... Ela já não estava feliz há muito tempo e já não sabia, exatamente, o que fazer para resolver tanta coisa. Ela orava, pedia forças a Deus, orientação espiritual... Mas a sua fé fraquejava muito. Então, na hora que, por exemplo, o marido fazia coisas que não devia, ou, algumas vezes, ela tinha uma frustração tremenda com algum dos filhos, aquilo era como se fosse um punhal colocado na alma dela e ela fica em uma tristeza... Ficava, às vezes, dias sem comer e ficava mal. Dizia para as amigas que estava depressiva, angustiada. Quando não era o marido ou o filho, era um problema de saúde. Quando não era uma coisa era outra; era a mãe dela ou era o pai que ela ajudava a cuidar... Então ela se sentia muito sobrecarregada, mas ela sempre pedia: "Senhor me ajuda!”.

Um dia, um Anjo de Deus resolveu visitar essa mulher. E esse Anjo de Deus começou a acompanhar essa mulher no dia a dia dela para entender qual era a melhor forma de ajudar. Então este missionário da luz divina começou a perceber que, desde manhazinha, quando ela acordava, ela já acordava preocupada, pensando em como ela ia resolver o problema daquele dia, que estava só começando. Ela não fazia uma prece. Ela não agradecia a Deus pela noite de sono que tinha tido. Não! Ela já levantava tensa, preocupada... "porque eu tenho que fazer café, porque fulano de tal vai chegar, porque vai acontecer isso." Ela já não levantava nem no 220v, era no 440v. Aí o anjo de Deus anotou: "não sabe se preparar para o dia." E aí foi acompanhando a mulher. No meio do dia, aconteciam várias coisas. Realmente, ela tinha uma família "daquelas" (daquelas que eu sei que você sabe bem como é que funciona). Muitas vezes, os filhos só davam vários problemas. Ela aconselhava... Infelizmente ela tinha filhos ingratos e, na hora da ingratidão dos filhos, a primeira coisa que vinha na mente dela era: "meu Deus, por que comigo? Eu sou uma mãe tão boa. Por que isso acontece comigo?" Aí o Anjo de Deus anotava: "vive se comiserando, sente-se vítima." Aí, passa um tempo, o marido vai, realmente, (também não era daqueles maridos bons como deveria ser) fazer algumas coisas equivocadas… aí ela: "até quando isso vai durar na minha vida?" Aí o Anjo de Deus anotou lá no caderninho dele: "é submissa perante a sua força de vontade. Não a usa para ficar bem. Se submete a qualquer problema como se o problema
fosse maior do que ela."

Quando foi no final do dia, ela volta a orar: "meu Deus, por favor me ajuda." Aí conta a historia que o supervisor geral das orações que recebe a prece dessa senhora, faz contato com esse Anjo e fala: "Anjo, mas você não foi aí pra poder ajudar a mulher?" E aí o Anjo de Deus fala:  - "pois é! Eu estou aqui ainda, mas estou estudando qual é a melhor forma de auxiliar essa senhora. Agora, durante a noite, na hora em que ela estiver dormindo e se desligar do corpo, eu vou conversar com ela e a graça de Deus vai intervir e eu espero falar a ela aquilo que ela realmente precisa." E assim aconteceu. Ela adormeceu, como sempre, preocupada, tristonha, abatida e aí ela se vê longe do corpo, como acontecia todas as noites (só que ela não lembra.. você sabe que a gente se desloca do corpo, momentaneamente enquanto dorme, mas, quando a gente retorna, a gente, via de regra, por causa da densidade do corpo físico, não se recorda, pelo menos, a maioria dos casos). E aí ela vai e tem contato com protetor espiritual dela. Muita luz, muito amor…e aí ela: -"por favor, me ajude." E ele fala: -"mas minha filha, eu estou aqui exatamente para isso. Aliás, não só eu, mas toda a bondade divina está aqui para ajudar você e a todos ao seu redor, mas eu não estou dando conta. -" E aí o Anjo fala assim para ela: -"Eu acompanhei você hoje, o dia todo, e eu busquei, nos seus registros cármicos aqui, várias das suas existências passadas e percebi uma coisa, minha filha: todas as vezes que você está na terra, você é uma pessoa até boa. Não vejo você fazendo mal a ninguém, mas você não sabe lidar com a dor e o sofrimento. Você AUMENTA a sua dor e o seu sofrimento. Aí" Ela: -"eu aumento?" "Aumenta, porque eu registrei, no meu caderninho espiritual aqui, vários momentos em que você reclama da vida, em que você sente que a dor é enorme, mas, em nenhum momento eu ouvi você falar MUITO OBRIGADO. Minha filha, o que está te faltando, pra você ser feliz e vencer os seus problemas, é o MUITO OBRIGADO!" E aí ela ficou confusa… -" Mas espera aí: "Anjo... Mas como eu posso falar muito obrigado? Olha o problema em que eu estou lá na Terra! Quando eu volto, é só dificuldade!”Aí o Anjo disse: - "quem é que mais precisa beber água, minha filha? Não é quem está com sede? E quem é que mais precisa se alimentar? Não é quem está com fome? Quem é que mais precisa se sentir em paz? Certamente é quem está com mais dificuldades. Aprenda a agradecer, filha, porque essas provas (o filho, o marido...) você os atraiu pelas necessidades do passado, mas você não está sabendo se libertar dessas necessidades no presente, porque você nunca agradece. Nunca agradece a Deus por você ter forças para continuar no dia a dia. Não agradece porque o seu corpo é perfeito, apesar das dificuldades. Não agradece porque, apesar de ter uma família difícil, você tem UMA, enquanto várias pessoas sequer família têm. Não agradece porque, embora seus filhos sejam complicados, você tem filhos, enquanto muitas mulheres oram para poder ter um filho (até para que lhe dê problema), e não conseguem engravidar." E aí o Anjo, meus amigos, foi listando uma série de situações que essa nossa querida senhora enumerava, por serem situações dolorosas, e dizia que reconhecia a dificuldade, mas que, se ela soubesse falar MUITO OBRIGADO, tudo seria muito mais leve. Então, a mulher, resignada (porque lógico, ele tinha razão), respira fundo e pede a ele que, misericordiosamente, a ajudasse a lembrar de alguma coisa na hora que ela acordasse. E aí ela volta para o corpo já mais ou menos umas 6 da manhã, pronta para despertar. E, na hora que ela desperta, ela acorda, pela primeira vez em muito tempo, com a vontade enorme de dizer MUITO OBRIGADO SENHOR POR MAIS UM DIA QUE SE INICIA. E, desde aquele momento, ela muda toda a sua rotina. Ela começa a agradecer. Ela começa a ver o lado positivo das coisas. Começa a orar e, naturalmente, como quase por um milagre, muda o estado de espírito dela. O marido era o mesmo, os filhos eram os mesmos, a situação era a mesma, mas ela era um ser completamente diferente. E tudo começou com um MUITO OBRIGADO. Ou melhor dizendo, tudo começou com o reconhecimento de como Deus já é presente em nossas vidas, independente do que nos aconteça.


Então, meus amigos queridos, o que eu desejo para você é que você encontre o seu MUITO OBRIGADO. Que nesta noite de domingo, ou outro dia que você vier a escutar esta Pílula, você encontre vários motivos, na sua vida, para dizer MUITO OBRIGADO, independente do que estiver te acontecendo. E que essa energia abençoada da gratidão embale seu coração, embale sua mente e, com certeza, guie sua vida a um lugar que, realmente, você mereça estar: bem pertinho de Deus, tá bom? Mais uma vez eu agradeço: muito obrigado por você ouvir carinhosamente e compartilhar as Pílulas do nosso amado Evangelho com seus contatos, no WhatsApp, lembrando que, no Youtube, nós temos mais de 600 Pílulas do Evangelho no canal. É só você clicar PÍLULAS DO EVANGELHO. Vai ver um monte. Lá no Youtube você escolhe por assuntos, por temas diferentes... pode compartilhar com seus amigos, fora os grupos no Facebook e fora tantas outras pessoas que trabalham com essas reflexões, ((risos)) e que a gente faz juntos, aqui, com muito carinho. Então, que Deus te abençoe. Um beijo grande no seu coração e lembre-se: Está difícil? Está pesado? Ainda está triste? Talvez esteja faltando um MUITO OBRIGADO na sua vida. Deus te abençoe sempre. Até breve e, meus queridos amigos, até muito breve! E muito obrigado a todos vocês.

Texto: Ricardo Melo.
Pílula ESPECIAL NOTURNA do Evangelho: 23/07/2017

segunda-feira, 24 de julho de 2017

Oração de Morrnah - Ho’oponopono


Em situações difíceis, onde você pode se sentir desamparado (ou desamparada), quando seu emocional está em desequilíbrio e os pensamentos fluem desordenadamente gerando mais aflição, faça a oração de Morrnah. Oração que abrange tudo e todos, um verdadeiro bálsamo espiritual:

“Divino Criador, pai, mãe, filho em um...
Se eu, minha família, meus parentes e ancestrais lhe ofendemos, à sua família, parentes e ancestrais em pensamentos, palavras, atos e ações do início da nossa criação até o presente,
nós pedimos seu perdão...
Deixe isto limpar, purificar, libertar, cortar todas as recordações, bloqueios, energias e vibrações negativas e transmute estas energias indesejáveis em pura luz...
Assim está feito.”


domingo, 23 de julho de 2017

Viver como patos e não como esponjas.


“Nós precisamos viver como patos e não como esponjas. Os patos têm uma glândula que distribui óleo em suas penas para torná-las impermeáveis. Depois que eles mergulham, sacodem as penas e já estão prontos para outra. Tudo fica por fora deles, nem a água nem a sujeira os atingem. Por outro lado, quando vivemos como esponja, absorvemos tudo que as pessoas nos dizem e acabamos nos tornando complexos, cheios de ressentimento”.